Home / * SINA POÉTICA / SINA POÉTICA ORGULHO NEGRO DIA 19 DE NOV

SINA POÉTICA ORGULHO NEGRO DIA 19 DE NOV

“Chega mais, entra na roda parente. Tira um poema do bolso. Reparte os versos com a gente”

Dizia o poeta Oliveira Silveira, que foi um dos fundadores do Grupo Palmares e um dos líderes da campanha pelo reconhecimento do Dia da Consciência Negra, que é celebrado no próximo dia 20 de novembro. Neste mês diversos eventos ocorrem em todo país para recordar e debater a importância da história e cultura negra.

A Rede Sina, na segunda edição do Sina Poética (sarau de poesia) celebra a data acrescentando ao nome “Orgulho Negro”(escolhido pelos leitores da sina em live) e convidando a todos para trazerem poesias de poetas negros. Também disponibilizará livros e poemas para leitura no local. O evento será dia 19 de novembro, uma segunda-feira, a partir das 20h no bar Zeppellin em Santa Maria. A entrada é livre e o palco aberto para todas manifestações artísticas.

A realização é da Rede Sina, organizam esse evento Melina Guterres (idealizadora do portal) e Guga Rocha (colunista da Rede Sina).

SINA POÉTICA ORGULHO NEGRO

19 DE NOVEMBRO, 20H

ZEPPELIN BAR (Visconde de Pelotas, 976, Santa Maria-RS)

ENTRADA FREE / EVENTO NO FACE

Reservas de mesa: 055999691529

 

Visita a Câmara de Vereadores de Santa Maria

Os vereadores atenderam a sugestão do grupo e Audiência Pública foi agendada para o dia 26. Foto: Jaiana Garcia

A Rede Sina foi até a Câmara de Vereadores convidar a todos a lembrarem a importância de valorizar os autores negros da região e país e também trazer a pauta sobre a necessidade de uma Audiência Pública antes da votação do Projeto de Lei que cria Conselho Municipal de Igualdade Racial. Confira o que diz João Heitor Macedo Silva. historiador, militante do movimento negro e colaborador da Rede Sina.

João Heitor Macedo, Guga Rocha e Melina Guterres foram recebidos pelo vereador Valdir Oliveira que solicitou a reunião com vereadores. Foto: Jaiana Garcia

“Na última quinta-feira dia 08/11 durante a visita a Câmara Municipal de vereadores tivemos a oportunidade de conversar com nossos legisladores e questioná-los sobre o PL 8772/2019 que versa sobe a criação do Conselho Municipal de Igualdade Racial, uma antiga reivindicação do Movimento Negro local. Manifestamos nosso profundo desconforto em saber eu tal projeto tramitava na Câmara sem a devida consulta à sociedade civil e principalmente ao Movimento Negro Local, principal interessado. Fomos atendidos em nossa demanda o que resultou na convocação de uma Audiência Pública para debater o projeto no dia 26/11. Nossa militância é poética e nossa resistência é diária.”

Reflexão do Guga Rocha sobre o Dia da Consciência Negra

A imagem pode conter: Gu Ga, sorrindo, barba e close-up“Necessitamos de um dia Nacional da Consciência Negra? Sim! Necessitamos! Apesar de a população negra ser maioria em quantidade populacional no Brasil, a presença de negras e negros em diversos espaços da sociedade ainda sofre com a invisibilidade e/ou a omissão social. Apesar de parecer que todos e todas vivemos em ampla harmonia sem discriminações, o preconceito racial atua de uma maneira ordinária e velada. Falamos em racismo, porém as pessoas não se assumem racistas, e o mito da democracia racial ganha destaque, dando a sensação de que as lutas de movimentos sociais como, o Movimento Negro por exemplo, não são mais necessárias. Pura mentira fomentada e hipocrisia! Somos uma sociedade que engatinha do pós abolição(130 anos recém) e que durante maior parte desse tempo, se omitiu enquanto Estado e ainda tenta invisibilizar a população negra. Não nos vemos tão representados nas mídias, nas espaços decisórios de poder, nos bancos universitários e nos postos de destaque(pensando em mercado de trabalho). Aliás, pensando em mercado de trabalho, ainda temos diversos setores que negras e negros recebem salários inferiores aos brancos. Qual seria o motivo dessas desigualdades?apenas mera coincidência? A população negra sempre foi resistente, lutou e ainda luta pela equidade de direitos, reparação histórica e uma sociedade que entre de corpo e alma no combate ao racismo, lembrando, que o racismo é crime. Nesse sentido, o dia 20 de novembro além de homenagear Zumbi dos Palmares(dia de sua morte), um símbolo de luta e resistência para o povo negro, convida toda sociedade para refletir sobre a situação da negritude no Brasil e à combater o racismo e todo o tipo de preconceito.”

Você tem uma dica de livro ou poema de poetas negros?

(Coloque nos comentários que acrescentaremos aqui e tentaremos fazer com que sua dica esteja na Sina Poética Orgulho Negro)

 

Dica da jornalista, cantora e compositora Arianne Teixeira de Lima
Dica do ator e cantor Lutiano Nascimento dos Santos
Indicação da Débora Almeida atriz e escritora.

Racismo é crime!

Foto: Dartanhan Baldez Figueiredo

Infelizmente em pleno 2018 ainda vemos casos de racismo ocorrerem inclusive dentro de universidades, uma verdadeira catástrofe social. A Rede Sina, repudia todas as formas de violência e lembra que racismo é crime há quase 30 anos, deve ser denunciado e os culpados penalizados.

Lei nº 7.716 de 05 de Janeiro de 1989
Define os crimes resultantes de preconceito de raça ou de cor.
Art. 20. Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional. (Redação dada pela Lei nº 9.459, de 15/05/97). Pena: reclusão de um a três anos e multa .(Redação dada pela Lei nº 9.459, de 15/05/97)
§ 1º Fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo. (Redação dada pela Lei nº 9.459, de 15/05/97) Pena: reclusão de dois a cinco anos e multa.(Incluído pela Lei nº 9.459, de 15/05/97)

Veja também:

 

Confira por onde a Rede Sina andou em Santa Maria:

Ato de protesto na UFN após episódio de caso de racismo.

Alunos e professores da UFN se reúnem em ato contra manifestação racista que ocorreu em sala do curso de jornalismo. Na noite desta segunda-feira, 29, foi encontrado no quadro da sala 606, no prédio 14, conjunto III, os dizeres: “Dá-lhe Capitão! Preto no tronco”. #ChegadeRacismo #racismonão #racistasnãopassarão

Posted by Mel Inquieta on Tuesday, October 30, 2018

 

Abertura do Mês da Consciência Negra na UFSM, homenagem a Maria Rita Py Dutra:

Posted by REDE SINA on Monday, November 5, 2018

Show de Débora Rosa e banda na Abertura do Mês da Consciência Negra na UFSM:

Posted by Mel Inquieta on Monday, November 5, 2018

 

Slam Vivências na Praça dos Bombeiros realizada pelo Coletivo Dandaras

Posted by Mel Inquieta on Thursday, November 1, 2018

Posted by Mel Inquieta on Thursday, November 1, 2018

 

Live da escolha do nome Orgulho Negro:

Posted by REDE SINA on Monday, October 22, 2018

 

"Chega mais, entra na roda parente. Tira um poema do bolso. Reparte os versos com a gente" Dizia o poeta Oliveira Silveira, que foi um dos fundadores do Grupo Palmares e um dos líderes da campanha pelo reconhecimento do Dia da Consciência Negra, que é celebrado no próximo dia 20…

User Rating: Be the first one !

Comenta aí... :)

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *