Home / #OPINIÃO / A moda é cortar por GUGA ROCHA

A moda é cortar por GUGA ROCHA

Salve, salve prezados leitores aqui da Coluna do Guga.

Se vocês derem uma espiada nos textos anteriores, irão perceber que eu já comecei pedindo desculpas em alguns deles, pois é! Fazer o quê se a vida é essa fascinante caixa de surpresas, mas, por consideração à vocês prefiro que seja assim.

Meu plano como colaborador da REDE SINA, é publicar quinzenalmente reflexões, textos sobre moda e demais coisas do gênero, quem sabe este seja um dos meus desejos para 2017, já que estamos batendo na porta do ano que se aproxima.

Bom, importante é que retornei de férias, estou passando por uns probleminhas de doença na família (ainda bem que tudo está dando certo) e repentinamente, aqui no quarto de um hospital fazendo cia para minha mãe, ideias começaram a fluir na minha cabeça, e se é para publicar, publiquei.

Não irei falar aqui sobre o que você deve ou não deve usar neste Natal, afinal quem me conhece ou já está em sintonia com  meus textos, sabe que isto sim eu acho super fora de moda.

O que você vai ou não vestir na ceia ou naquela festinha após a comilança é você quem decide.

Minha dica é sempre a mesma: conforto e identidade. Meu desejo é que possamos vestir muito amor neste e nos próximos natais.

 A moda é cortar!

A estação mais quente do ano chegou ( embora até as estações estejam em crise), então tesoura na mão, o verão chegou.

Calmem, não vamos sair por aí fazendo o Edward mãos de tesoura, cortando tudo e todos.

Gosto sempre de lembrar, que vejo a moda como um fenômeno bem amplo, que vai muito além de vestuários, tendências e clichês ou seja, a moda e o comportamento estão totalmente ligados.

Não é de hoje que a palavra crise está na moda e para sobrevivermos a mais este período conturbado, a tendência é cortar. A palavra cortar nesta publicação assume diversos significados, ou seja, este é um momento para cortarmos despesas, cortarmos o desnecessário e também cortarmos nossas roupas. Óbvio que, você não irá sair tesourando todas suas roupas né?

Esta é uma ótima estação e uma boa fase para reinventar, com alternativas simples que farão bem para o bolso, para novos looks, contribuirão com sustentabilidade do planeta e ainda poderão fazer o bem para outras pessoas e também para nós.

Por exemplo, podemos fazer uma triagem no guarda-roupas e separar aquelas peças de verão que não utilizamos mais e destinar para doação (estilo campanha do agasalho no verão) ou ainda quem sabe  fazer uma campanha do desapego seja vendendo por algum preço simbólico e até mesmo trocando peças com seus amigos.

Estes movimentos de trocas, desapegos e bric’s de vestuário estão super em alta nas plataformas digitais e ainda você irá cortar gastos com roupas da estação atual, que geralmente estão mais caras

Se a moda é cortar, tesoura na mão e criatividade na cabeça. A moda está cada vez mais democrática e relax, basta saber qual look te representa, com qual você se identifica e optar por aqueles que além de tudo isso, são principalmente confortáveis e não irão fazer você sofrer né?! Seja de calor ou seja de paranoia mesmo com padrões impostos socialmente.

Outra maneira bacana de aproveitar estação calorosa é customizar.

Pegue aquela calça jeans surrada que você acha que não usaria mais, passe a tesoura e a transforme em uma bermuda ou short desfiado, o processo é simples e o resultado super descolado ou ainda pesque aquela camiseta de manga curta que também está esquecida e tire as mangas cortando a costura bem na altura dos ombros (eu sinceramente adoro fazer isso).

Vamos combinar que é muito mais fácil customizar roupas nas estações mais quentes e ainda montar looks bem agradáveis e suaves, também para o bolso.

Mais uma vez desejo um Feliz Natal para todas e para todos.

Até breve!

GUGA ROCHA

Gustavo Rocha ou “Guga Rocha” como é conhecido e gosta de ser chamado é natural de Santa Maria/RS. Estudou Ciências Sociais na UFSM, focando mais na Antropologia.

Nosso novo colunista é apaixonado por assuntos que envolveFB_IMG_1454403348235m moda, como sentido de expressão e comunicação. O cara também é muito ligado em música, principalmente eletrônica, porém não dispensa um bom samba de raiz e adora dançar até pingar. 

Guga também  simpatiza com as  causas de diversos  movimentos sociais, onde tem se engajado ultimamente, como militante no combate contra o racismo, o machismo e a homofobia.

Atualmente ele é comissário de voo  e semanalmente, Guga aterrissará aqui na página da REDE SINA, fazendo algumas abordagens sobre o universo que envolve a moda masculina.

Salve, salve prezados leitores aqui da Coluna do Guga. Se vocês derem uma espiada nos textos anteriores, irão perceber que eu já comecei pedindo desculpas em alguns deles, pois é! Fazer o quê se a vida é essa fascinante caixa de surpresas, mas, por consideração à vocês prefiro que seja…

User Rating: Be the first one !

Comenta aí... :)

comentários

CLIQUE AQUI PARA IR A FAN PAGE DA REDE SINA

Check Also

No Roteiro POR PAULO LUDMER

  Praga de certezas a iludir tolos, embala escopetas buliçosas, brada, oprime, degrada, ira, lacra …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *